Hoje é 15 dezembro 2018

Frente Parlamentar em Apoio aos Institutos Federais e às Universidades Federais

Público

Movimentos estudantis vêm cobrando a revogação da EC95. (Foto: Sarah Torres / ALMG)

A luta contra o corte de investimentos na educação superior. Essa é a pauta principal da Frente Parlamentar em Apoio aos Institutos Federais e às Universidades Federais, lançada em novembro de 2017 na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). A iniciativa é do deputado estadual Cristiano Silveira.

 

“A Emenda Constitucional 95, aprovada pelos golpistas, impõe o congelamento de investimentos públicos por 20 anos. Isso vai gerar o fechamento das nossas universidades públicas e, consequentemente, vai impedir que nossos jovens tenham oportunidade de ingressar no ensino superior. Por isso estamos lutando pela anular essa medida”, diz o parlamentar.

 

Segundo Cristiano Silveira, servidores públicos das universidades e estudantes estão preocupados com a situação. “O corte de verbas feito pelo governo Temer tem gerado um clima de incerteza nas instituições de ensino. Os funcionários temem ficar sem salários e até mesmo sem emprego. E os estudantes vêm a possibilidade de muitos cursos serem encerrados. É um absurdo que não podemos permitir”.

 

O deputado defende que a emenda seja revogada para que novos programas possam ser criados. “Vamos eleger o presidente Haddad para que ele possa anular essa emenda constitucional. Assim, vamos voltar a investir na expansão de vagas nas universidades, por meio de programas como o Prouni, o Fies, e também pela criação de novas unidades. Voltaremos a ser um pátria educadora”.

Posts Relacionados